ESTÁTUA DA LIBERDADE - NY

sexta-feira, maio 05, 2017


Quando comecei a planejar a minha viagem à NY a estátua da liberdade estava no topo da lista. Aí comecei a ler em vários lugares os prós e contras de ir até lá, de como ir, de quando ir, de subir ou não, enfim, muitas e muitas páginas de leitura para apenas 1 atração.

Costumo dizer que eu e meu marido somos turistas um pouco diferentes do normal. Qualquer dia faço uma lista do que achamos o maior "pega turista" em nossas viagens, e hoje, mais maduros e sem a necessidade de ter que contar pra todo mundo que fomos em determinada atração e subimos ou entramos ou andamos nela, conseguimos selecionar o que realmente nos atrai sem ficar com aquele sentimento de "...e se eu tivesse ido lá..." entendem?! Só pra dar um exemplo, a Torre Eiffel. Eu me arrependo de ter ficado horas na fila pra subir lá. Não tem nada de MAIS. Mas se não tivesse ido como saberia, não é mesmo?!

 Voltando a atração, tínhamos poucos dias na cidade, era dezembro, ainda não estava nevando mas as temperaturas estavam negativas e nós havíamos levado as crianças conosco. Pra facilitar a vida de todos, resolvemos comprar o passe de 1 dia naqueles ônibus de turismo e foi o melhor investimento, aliás, acho que nunca me arrependi de pegar esse ônibus, ele te economiza algum dinheiro com taxis e metrôs, passa por todas as atrações do lugar,potanto, você não precisa ficar procurando no mapa e pedindo pra todo mundo quando sai da estação do metrô para qual lado fica o museu tal (não sei vocês, mas eu sou bem perdida com mapas e já fiz o sentido totalmente inverso tentando segui-lo), existem os fones de ouvido para você ir ouvindo sobre a cidade e sempre aparece alguma novidade que eu não tinha lido em lugar algum e ainda você tem a liberdade de descer onde quiser.
 Então, depois de muito ler e pesar os prós e contras, compramos os ingressos pro ferry boat para fazer apenas o passeio pelo rio, nada de descer na ilha ou subir na Estátua (se eu não me engano, a estátua nem mesmo estava aberta à visitação).
 Adoramos o passeio. Ficamos protegidos do frio e do vento e com a possibilidade de ir para a área aberta do Ferry pra poder fazer fotos melhores. Dentro do ferry existe uma pequena lanchonete onde você consegue comprar alguma alimentação, inclusive frutas, aliás, é muito fácil se alimentar de frutas e iogurte nos EUA, bem diferente do que sempre ouvimos dizendo que por lá o povo se alimenta mal, na verdade, está tudo disponível, resta a você saber fazer as escolhas que melhor se adaptam à sua dieta.


 Dá pra ter uma boa noção do SKYLINE da cidade, sempre imponente com os edifícios concorrendo entre si em altura e magnetude.

Pegamos o ferry em Battery Park, na baixa Manhattan. Você pode comprar o ticket só para o passeio (como fizemos), para subir na coroa e também para visitar Ellis Island.
Se tiver tempo, vale a pena fazer completo, como tínhamos tudo bem programado e com tempo reduzido, resolvemos fazer apenas o passeio panorâmico.
Vou deixar aqui o link para vocês entrarem na página oficial e poder progamar o passeio com tranquilidade. O site é bem explicativo, passa os preços e os horários e ainda te dá as estações de metrô.

You Might Also Like

0 comentários

Posts Populares

Curta a página

Por onde já passei