HOTEL E RESTAURANTE SACHER - VIENA

sábado, dezembro 12, 2015




Viena é um daqueles lugares que te induzem a comer; cada porta na rua te oferece algo de muito bom; os cheiros te convidam a sentar e experimentar. Foi um dos lugares que mais refeições fizemos ao dia. Não dá pra passar na frente da confeitaria ou do restaurante Sacher e não entrar.


Como era noite, já passava das 10, preferimos ficar com o restaurante para podermos provar o prato mais famoso da cidade: Wienerschnitzel, que nada mais é que um escalope de carne de porco cortado bem fininho e empanado servido com batatas cozidas e limão. O prato é bem grandinho, se você estiver em dieta vai ter que dar uma escapadinha !


O restaurante é bem pequeno. Ao fundo um piano de meia cauda com pianista está presente durante toda a noite. A decoração é bem intimista e lembra toda a pompa de Viena, muito veludo vermelho, espelhos e muito dourado fazem parte da decoração. As pessoas respeitam demais o pianista, falam muito baixo e estão super bem vestidas, mas nem por isso faz você se sentir intimidado.
Olha ai o prato mais famoso da cidade
Claro, a sobremesa não poderia ser outra: a torta mais famosa da cidade Sachertarte.


A torta Sacher foi inventada por um mini chef de apenas 16 anos  chamado Franz Sacher e oferecido a um príncipe austríaco lá em 1832. É um simples bolo de chocolate servido com uma porção de chantilly que ganhou fama e o mundo. Claro que eu tive que pedir a minha fatia da "melhor torta de chocolate do mundo". O que eu achei? é deliciosa, mas a melhor... hum, sei não !

Hall de entrada do hotel e do restaurante




Andar pelo primeiro piso do hotel é permitido para os clientes do restaurante. Os banheiros ficam bem ao fundo do corredor, passando por algumas salas lindamente decoradas e com as paredes repletas de fotos de época. Dá para perder uns 30 minutos olhando todas essas fotos que trazem recordações dos tempos da inauguração da confeitaria/restaurante/hotel.





Posso dizer que, para encerrar uma noite, após a ópera, logo ali do outro lado da rua, foi uma excelente escolha, não poderíamos ter ido a lugar melhor. Mas se você não estiver a fim de jantar, pode entrar na porta ao lado, que dá acesso à confeitaria e ser feliz do mesmo jeito :) 





Observação: em todos os blogs que li dizia ser necessário fazer reservas, mas como estávamos com programação apertadíssima na cidade, optamos por não reservar nenhum restaurante. Simplesmente chegamos na porta e pedimos por uma mesa, fomos atendidos na hora, sem qualquer espera.

Take care !!

You Might Also Like

0 comentários

Posts Populares

Curta a página

Por onde já passei